Caminho


Ouço sua voz, ela diz que me ama,
Eu acredito e fico tão feliz,
Ouço sua voz no meio da multidão,
Mas eu sempre acredito que vai voltar,
Desta vez eu acreditei de verdade
Mas como sempre você não vai,
É estranho, estou aqui tão só no meio de todos
E é a sua voz que escuto, pedindo para esperar,
Sei que a esperança que resta em nós
Deixou-me como você, agora ela pode estar centada ao seu lado.
Se estiver realmente, por favor, diga que eu ainda estou esperando,
Aqui somente a escuridão me ajuda,
Ela não me deixa ver que você não estar,
E nela eu acredito, por que eu sei que é verdade,
Eu rasgo todas as fotos e as colo, como sempre,
Nosso álbum estar tão cheio de um nada,
E de tudo que me apaixonei, e quando e as rasgo,
É tentando destruir o nada, mas eu acabo rasgando tudo,
Somente quando eu as colo percebo que não tem
O que consertar, pois nunca teve nada mesmo,
Olha se voltar algum dia, saiba que da próxima vez,
Você irá levar algo mais que nossas lembranças,
Levará nossas fotos rasgadas, e isso é o que nos resta,
Talvez me canse algum dia, e diga adeus por você,
Talvez isso seja o que eu tenha esperado todos esses anos,
Se a esperança estiver ao seu lado diga, que eu cansei,
Não de esperar, por que agora sei que não voltará,
Cansei de acreditar,
E quando sua voz me chamar, não darei ouvidos,
Estarei ocupado tentando encontrar a mesma porta,
Que tenho aberto para te encontrar,
Pois ela sempre me levou a o mesmo caminho,
Nesse caminho ele nunca chega a você,
Caso sua voz queira falar comigo que seja agora,
Porque amanhã eu entrarei pela aquela porta,
Que me leva para longe de você e bem perto de mim.

Um comentário:

  1. Uma passagem sem caminho ,uma vida sem desafio ,uma continuidade sem destino...

    ResponderExcluir